RELÓGIO

PARTICIPE SENDO UM SEGUIDOR DO BLOG

www.stepaway-polio.com

Google+

MAPA MUNDI

free counters

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Boné ultrassônico vibratório será uma das tecnologias expostas na ExpoTAI

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH

Boné ultrassônico vibratório será uma das tecnologias expostas na ExpoTAI


14/07/2017
O presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, Roque Bakof, recebeu a visita do técnico em informática Fábio Gazzana na tarde desta sexta-feira (14). Na ocasião, Gazzana apresentou o boné ultrassônico vibratório, criado para auxiliar pessoas com deficiência visual. Além de um sensor de obstáculos, o boné conta com um dispositivo de bússola eletrônica, que ajuda na locomoção.


Bakof elogiou a criação do aparelho. “O boné ultrassônico vibratório ajuda a evitar batidas na região do tronco e da cabeça, onde muitas vezes as pessoas com deficiência visual que utilizam bengala acabam tendo esse tipo de colisão. Esse, junto com a maior autonomia, é um dos grandes ganhos proporcionados pelo boné”, afirmou.

Fábio Gazzana confirmou presença na ExpoTAI, exposição de tecnologia assistiva e inclusão que será promovida pela Faders nos dias 25, 26 e 27 de agosto, no Vida Centro Humanístico, em Porto Alegre. Ele apresentará o boné ultrassônico vibratório para os participantes do evento, fazendo uma ampla amostragem sobre o equipamento.


Fonte: ASCOM/ Faders Acessibilidade e Inclusão




Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul FADERS

Faders promoverá evento internacional sobre altas habilidades

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH

Faders promoverá evento internacional sobre altas habilidades


17/07/2017
A Faders Acessibilidade e Inclusão está preparando a realização de um evento internacional, em Santana do Livramento, para debater sobre altas habilidades. O assunto, na visão do presidente Roque Bakof, deve ser cada vez mais colocado na consciência da população. “O objetivo da fundação tem sido colocar a temática altas habilidades no contexto da comunidade, especialmente dos profissionais da educação e da área da saúde. Nossa proposta é expandir o tema, por isso temos realizado oficinas e fóruns temáticos nas interiorizações que desenvolvemos pelo estado, onde participam os gestores municipais, profissionais da área da educação e as coordenadorias regionais de educação, tendo a oportunidade de debater este conceito e as suas repercussões, favorecendo a consciência não só no contexto educacional, mas para a sociedade como um todo”, disse Bakof.  


Para tratar sobre a organização do evento, a diretora técnica da Faders Acessibilidade e Inclusão, Marilu Mourão Pereira, recebeu na tarde da última quinta-feira (13) a professora Marli Deuner, vice-presidente da Associação Gaúcha de Apoio às Altas Habilidades/Superdotação – AGAAHSD, e a técnica da Faders Larice Bonato Germani, que atua na área das altas habilidades do Serviço de Educação, Capacitação e Ajudas Técnicas – Secat, uma das unidades de referência da fundação.

A diretora técnica Marilu Mourão Pereira destacou que o assunto precisa ser mais conversado com a sociedade. “ A temática das altas habilidades necessita ser melhor trabalhada, pois ainda gera muitas dúvidas na população”, afirmou. Já a professora Marli Deuner externou a importância de a população entender mais sobre o tema. “Normalmente as deficiências são perceptíveis, mas as altas habilidades não são. Então precisamos qualificar e fazer as pessoas entenderem mais desta temática”, disse.

Ao fim da reunião as partes ainda falaram sobre as altas habilidades e a superdotação no ambiente escolar, alertando para a importância da melhor preparação de professores para lidar com o assunto.

O evento internacional sobre altas habilidades, em Santana do Livramento, ocorrerá no dia 12 de setembro, contando com a participação de professores e profissionais de Brasil, Argentina e Uruguai.


Fonte: ASCOM/ Faders Acessibilidade e Inclusão

Altas habilidades e universalização da educação motivam diálogo entre Faders e Ulbra

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH

Altas habilidades e universalização da educação motivam diálogo entre Faders e Ulbra


Autoridades dialogam sobre altas habilidades e superdotação. Logo após, um termo de cooperação foi assinado. 20/07/2017
Seguindo a linha de ação que vem desenvolvendo, no sentido de colocar a temática Altas Habilidades/Superdotação como um conceito a ser ampliado no âmbito da educação, a Faders Acessibilidade e Inclusão recebeu representantes da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra) na tarde desta terça-feira (18). A reunião contou com a presença do presidente da fundação, Roque Bakof; do reitor da universidade, Marcos Fernando Ziemer; do pró-reitor acadêmico, Pedro Antonio González Hernández; do coordenador de acessibilidade da Ulbra, Laino Schneider; do diretor do curso de extensão da universidade, Gustavo Becker; e do representante da área de acessibilidade da instituição de ensino, José Luiz Galvão.


Durante o encontro, o presidente Roque Bakof, fez uma ampla exposição sobre a temática das altas habilidades, chamando à atenção no sentido de que os estudos apontam que entre 3.5 e 5% das pessoas possuem indicadores de Altas Habilidades/Superdotação, e que devemos olhar estes números como muita atenção, pois eles nos indicam que estes potenciais humanos não podem ser desconsiderados ou sub avaliados. O tema e as ideias propostas foram bem recebidos pelos representantes da Ulbra. Com isso, as partes levantaram a possibilidade de realização de um evento em parceria, realizado na sede da universidade, para debater sobre o assunto.

Ao longo da reunião, as autoridades assinaram o um termo de cooperação. O presidente da Faders, Roque Bakof, destacou a importância da maior propagação do conceito da acessibilidade, da inclusão e das altas habilidades. “Nosso papel é, como órgão gestor da política pública estadual, buscar capacitar quem irá fazer o atendimento para pessoas com deficiência e com altas habilidades, por isso estamos promovendo um grande número de interiorizações, destacando a importância de todos nos incluirmos na sociedade. Ainda nos falta, como seres humanos, a criação de um conceito de acessibilidade e inclusão, pois isso define como abordamos e encaramos cada temática relacionada a isso. Certamente o apoio de uma instituição como a Ulbra nos auxiliará na propagação deste conceito tão relevante para a comunidade gaúcha”, disse Bakof.

Na visão do reitor da universidade, Marcos Fernando Ziemer, a parceria com a Faders Acessibilidade e Inclusão ajudará no processo de readequação pedagógica da instituição de ensino. “O importante dessa parceria é gerar cooperação e avanços para ambas as partes. Estamos melhorando nosso modelo de aprendizagem e debatendo temas para a nossa readequação pedagógica. Certamente temáticas como altas habilidades e superdotação serão debatidas e analisadas por nós, buscando sempre formas de qualificação para nossos profissionais”, afirmou.

O pró-reitor acadêmico da Ulbra, Pedro Antonio González, destacou que o apoio da Faders Acessibilidade e Inclusão será vital para a universidade atingir seus objetivos. “Temos grandes desafios na construção de um novo processo pedagógico. Para isso, necessitamos de ajudas técnicas e parcerias. Por isso, contamos com a Faders para estar conosco nesta etapa de universalização da nossa educação, visando garantir uma sociedade e uma universidade mais acessível para todos”, salientou.



Fonte: ASCOM/ Faders Acessibilidade e Inclusão

Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras"

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH


Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras" - Caxias do Sul

INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!

Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras"

Dia: 
01/08/2017
Horário: 08 às 12 horas
Local: Auditório do Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG (Rua Marechal Floriano, 1094 - Bairro São Pelegrino - Caxias do Sul/RS)

Realização: Faders Acessibilidade e Inclusão

Apoio: Prefeitura de Caxias do Sul
Secretaria Municipal de Segurança Pública e Proteção Social
Coordenadoria de Acessibilidade
Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG
Centro de Apoio Operacional da Ordem Urbanística (Caourb) do Ministério Público do RS
Sindicato dos Engenheiros do RS (Senge)
Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) - Inspetoria de Caxias do Sul

INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!





Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul FADERS

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Região Sudoeste recebe Fórum Permanente da Política Pública

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH


Região Sudoeste recebe Fórum Permanente da Política Pública


04/07/2017
A Faders Acessibilidade e Inclusão promoverá nesta quinta-feira (06) o 153° Fórum Permanente da Política Pública Estadual para Pessoas com Deficiência e Pessoas com Altas Habilidades, no município de Bagé. O evento ocorrerá durante todo o dia no IFSUL Campus Bagé, localizado na Avenida Leonel de Moura Brizola, 2501 Bairro Pedras Brancas.


O Fórum Permanente da Política Pública Estadual para Pessoas com Deficiência e Pessoas com Altas Habilidades reúne gestores municipais, entidades representativas, profissionais e a comunidade em geral para debater e propor alternativas, a fim de implantar políticas públicas visando potencializar ações para a acessibilidade e inclusão social. A edição desta quinta-feira (06) contará com o apoio da Prefeitura de Bagé; da Câmara de Vereadores de Bagé; do Instituto Federal Sul-Riograndense - Campus Bagé; da Associação Bajeense de Pessoas com Deficiência e Familiares (ABADEF); da APAE de Bagé; e do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência – COEPEDE.

A programação terá início no período da manhã, com diálogos sobre o diagnóstico regional da acessibilidade e inclusão, além do tema políticas públicas inclusivas. Durante a parte da tarde, oficinas temáticas abordarão assuntos como acessibilidade arquitetônica, altas habilidades, Lei Brasileira de Inclusão, trabalho e empreendedorismo.


Confira a programação completa:
8 horas às 8h30:Credenciamento e apresentação artística
8h30 às 11 horas: Abertura Oficial e Diagnóstico Regional da Acessibilidade e Inclusão
11 às 12 horas: Políticas Públicas Inclusivas: Relação Estado e Município
12h às 13h30: Intervalo
13h30 às 16h30: Oficinas Temáticas
16h30: Encerramento


Fonte: ASCOM/ Faders Acessibilidade e Inclusão

Festival de Cinema Acessível ocorrerá em Bento Gonçalves


Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH

Festival de Cinema Acessível ocorrerá em Bento Gonçalves


Descrição da imagem - Em sentido paisagem, sobre fundo azul claro, o convite Ação Educativa Cinema Acessível destaca o rosto de uma garota negra, cabelo preto e bem curto. Ela está com seus olhos fechados e tem uma expressão de contentamento. Ao lado de seus ouvidos, barras verticais na cor branca simulam ondas sonoras. Ao lado, sobre fundo lilás, o desenho na cor branca dos contornos da mesma expressão facial do rosto da garota estilizam uma claquete que é o logotipo do Festival. Abaixo os dizeres Festival de Cinema Acessível e Banrisul: veja, ouça e sinta.
Centralizado e abaixo o seguinte texto:
“Em julho a Ação Educativa Cinema Acessível acontecerá em Bento Gonçalves. Confirme sua presença.”
Por fim, em uma pequena tela na parte inferior esquerda da imagem, uma cena da obra que será exibida: Saneamento Básico, o Filme. Demais serviços: Dia 13/07 às 14h30min, Local no Auditório da UCS (Campus Bento Gonçalves - Rua João Dal Sasso, 200, Universitário, Bento Gonçalves). Inscrições de 22 a 12/07. Vagas limitadas. Mais Informações: Pessoas_Cinema_Acessivel@banrisul.com.br . Logotipias do Banrisul, Iecine, Sec. Estadual de Cultura, Prefeitura de Bento Gonçalves, Sec. de Justiça e Direitos Humanos e FADERS.04/07/2017
O município de Bento Gonçalves receberá o Festival de Cinema Acessível no próximo dia 13 de julho. O evento ocorrerá Auditório da UCS (Campus Bento Gonçalves - Rua João Dal Sasso, 200, Universitário, Bento Gonçalves). O filme exibido será “Saneamento Básico – O Filme”, as 14:30. As inscrições vão até o dia 12 de julho e podem ser feitas no link https://pt.surveymonkey.com/r/HH9P7V2. As vagas são limitadas.


A iniciativa, promovida pelo Banrisul e apoiada pela Faders Acessibilidade e Inclusão, é voltada para colaboradores do Banco que estudam Libras, além de pessoas com deficiência, representantes de associações e interessados em conhecer mais sobre tecnologias referentes à acessibilidade. O evento ainda conta com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos; da Secretaria Estadual de Cultura; da Prefeitura Municipal de Bento Gonçalves; e do Iecine.

O Festival foi o primeiro do país a exibir clássicos do cinema brasileiro com audiodescrição, legendas e língua brasileira de sinais. Os filmes contam com os três recursos de forma simultânea, permitindo que pessoas cegas, com baixa visão, deficiência auditiva, surdas ou sem nenhuma deficiência assistam aos longas na mesma sessão, o que permite a troca de experiências em um ambiente que valoriza as diferenças.

Para o presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, Roque Bakof, atividades como o cinema acessível são importantes para estimular o público. “Acreditamos que todos os meios que possam ser utilizados para promover a consciência devem ser estimulados. A exibição do cinema acessível é fundamental, para promover acesso a cultura para as pessoas com deficiência e consciência para o público geral”, disse Bakof.


Fonte: ASCOM/ Faders Acessibilidade e Inclusão

ExpoTAI pauta encontro entre Faders e SESC


Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH

ExpoTAI pauta encontro entre Faders e SESC


03/07/2017
O presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, Roque Bakof, e a coordenadora do Núcleo Estadual de Paradesporto, Claudia Alfama, receberam representantes do SESC na tarde desta segunda-feira (03), na sede da fundação. O Serviço Social do Comércio (Sesc) esteve representado pelo coordenador de esporte, Fabrício Gianezini, e pelo técnico de esporte e lazer, André Costa. 


A reunião visou a participação do SESC na 1ª Exposição de Tecnologia Assistiva e Inclusão, a ExpoTAI. O evento ocorrerá no Centro Humanístico Vida nos dias 25, 26 e 27 de agosto, dentro da programação da Semana Estadual da Pessoa com Deficiência 2017. Para o presidente da Faders, Roque Bakof, a exposição será um evento voltado para a inclusão. “A Faders trata de acessibilidade e inclusão para toda a nossa sociedade. Esse conceito se manifesta diariamente em nossas vidas. Nós temos que trabalhar para construir juntos o mundo que queremos viver. A ExpoTAI surge com esse propósito, de ser um evento voltado para a inclusão. Certamente o apoio do SESC e dos nossos demais parceiros serão fundamentais para alcançarmos os nossos objetivos com esse evento”, disse.

O coordenador de esporte do SESC, Fabrício Gianezini, garantiu que a instituição dará apoio para a iniciativa. “Verificaremos que tipo de ações poderemos oferecer durante a programação da ExpoTAI para, dentro disso, buscar construir algo positivo para a sociedade”, afirmou. As partes irão manter um diálogo frequente para, em conjunto, propor uma série de atividades ao longo da programação do evento.

A 1ª Exposição de Tecnologia Assistiva e Inclusão reunirá expositores, entre estes estabelecimentos de ensino, que apresentarão resultados de trabalhos e pesquisas realizados por alunos e professores. O espaço oportunizará que indústrias, prestadores de serviço na área de tecnologia assistiva e promotores da inclusão participem da exposição. Além disso, será reservada uma área para que entidades e associações que atuam com acessibilidade e inclusão possam apresentar seus trabalhos. O evento contará ainda com oficinas temáticas e palestras sobre temas como autismo, altas habilidades, síndrome de down, educação inclusiva, trabalho e empreendedorismo. Além disso, estão previstas atividades paradesportivas, desfiles de moda inclusiva, dança, música e teatro.


Fonte: ASCOM/ Faders Acessibilidade e Inclusão

Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras"

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH

Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras" - Caxias do Sul

INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!

Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras"

Dia: 
01/08/2017
Horário: 08 às 12 horas
Local: Auditório do Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG (Rua Marechal Floriano, 1094 - Bairro São Pelegrino - Caxias do Sul/RS)

Realização: Faders Acessibilidade e Inclusão

Apoio: Prefeitura de Caxias do Sul
Secretaria Municipal de Segurança Pública e Proteção Social
Coordenadoria de Acessibilidade
Centro Universitário da Serra Gaúcha - FSG
Centro de Apoio Operacional da Ordem Urbanística (Caourb) do Ministério Público do RS
Sindicato dos Engenheiros do RS (Senge)
Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) - Inspetoria de Caxias do Sul

INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Fórum Temático Altas Habilidades e Superdotação "Potenciais Humanos que transformam"

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH

Fórum Temático Altas Habilidades e Superdotação "Potenciais Humanos que transformam"



INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!

Fórum Temático Altas Habilidades e Superdotação
"Potenciais Humanos que transformam"


Dia: 28/06/2017
Horário: 08h30 às 12 horas
Local: Salão de Atos da Universidade Regional Integrada - URI (Avenida Sete de Setembro, 1621 - Prédio 6 - Erechim/RS)


Realização: Faders Acessibilidade e Inclusão

Apoio: 
Universidade Regional Integrada - URI
Prefeitura de Erechim - Secretaria Municipal de Educação

INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Fórum temático de acessibilidade arquitetônica e urbanística

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH


Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras"

INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!

Fórum Temático sobre Acessibilidade Arquitetônica e Urbanística "Construindo uma Sociedade Sem Barreiras"

Dia: 
14/06/2017
Horário: 08h30 às 12 horas
Local: Auditório Ulbra Campus Guaíba (BR 116, nº 5724 - Bairro Moradas da Colina - Guaíba/RS)

Realização: Faders Acessibilidade e Inclusão

Apoio: Prefeitura de Guaíba
Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) de Guaíba
Sindicato dos Engenheiros do RS (Senge)
Centro de Apoio Operacional da Ordem Urbanística (Caourb) do Ministério Público do RS
ULBRA - Campus Guaíba

INSCRIÇÕES ONLINE, ACESSE AQUI!

Xadrez é pauta de reunião na Faders

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH


Xadrez é pauta de reunião na Faders


06/06/2017
Representantes de Faders Acessibilidade e Inclusão, Federação Gaúcha de Xadrez (FGX), Secretaria Estadual da Educação e Associação de Cegos do Rio Grande do Sul (ACERGS) se reuniram na manhã desta terça-feira (06), na sede da fundação. Na ocasião, as partes propagaram conceitos sobre o aumento do incentivo a prática do xadrez no ambiente escolar.


Roque Bakof, presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, afirmou que o xadrez pode abrir diversas portas para os seus praticantes. “Quando uma modalidade esportiva permite a inclusão, é indispensável darmos uma grande importância para a mesma. Por isso precisamos gerar um encantamento em relação ao xadrez, mostrando para a sociedade a relevância que este esporte pode ter para todos nós e como ele abre a possibilidade de gerar uma série de conhecimentos aos seus praticantes”, disse.

O presidente da Federação Gaúcha de Xadrez, AI Cesar Viegas, e o vice, Ronald Hillbrecht, destacaram a importância do incentivo ao esporte. “A nossa intenção ao buscar o incentivo do xadrez nas escolas é capacitar multiplicadores para fomentar o esporte e o paradesporto. O xadrez é um dos esportes mais praticados e também um dos mais inclusivos do mundo. Por isso, queremos aumentar o número de participantes”, afirmou Viegas.

O Diretor de esportes e cultura da Associação de Cegos do Rio Grande do Sul (ACERGS), Glailton Winckler, se colocou a disposição para ajudar no que for necessário, dizendo que a associação visa 'promover a inclusão social de pessoas com deficiência visual através da prática paradesportiva, com o intuito de fortalecer as modalidades de esporte adaptado já existentes'. Já a representante da Secretaria da Educação, Danusa Zanella, afirmou que o órgão está aberto para qualquer iniciativa que busque desenvolver a sociedade e causar avanços no ambiente escolar.

Ao fim do encontro, as partes ajustaram a realização de um fórum temático, aberto ao público e focado em professores, para debater sobre o xadrez nas escolas. A intenção é realizar o evento no segundo semestre de 2017.


Fonte: ASCOM/ Faders Acessibilidade e Inclusão

terça-feira, 30 de maio de 2017

Presidente da Faders participa da entrega do Prêmio Miguel Velasquez

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH


Presidente da Faders participa da entrega do Prêmio Miguel Velasquez


26/05/2017
O presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, Roque Bakof, representou o governador José Ivo Sartori na entrega do Prêmio Miguel Velasquez, na tarde da última quinta-feira (25), em cerimônia realizada no foyer da sede institucional do Ministério Público do Rio Grande do Sul.


O vencedor na categoria “Instituição ou Personalidade" foi o Lar Santo Antônio dos Excepcionais, que presta assistência a cerca de 50 pessoas, entre crianças, adolescentes e adultos com lesão cerebral grave, oriundos de famílias em situação precária. O Lar Santo Antônio dos Excepcionais foi fundado em 1979 e é uma sociedade civil, de caráter assistencial, com personalidade jurídica de direito privado e sem fins lucrativos. Já na categoria “Membro/Servidor do MP", a promotora de Justiça dos Direitos Humanos de Porto Alegre, Liliane Dreyer Pastoriz, foi a agraciada.

O Prêmio Miguel Velasquez de Direitos Humanos foi instituído em 2015. Com esta premiação, o Ministério Público gaúcho reconhece a contribuição do promotor de Justiça Miguel Granato Velasquez, falecido em 29 de agosto de 2014, especialmente na defesa dos direitos humanos e na proteção à infância e juventude.

Fórum temático regional em Santo Antônio das Missões debaterá o Autismo

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos HumanosCartilha Atitudes que fazem a diferença com Pessoas com Deficiência - Faders/SJDH


Fórum temático regional em Santo Antônio das Missões debaterá o Autismo


25/05/2017
A Faders Acessibilidade e Inclusão, órgão gestor estadual desta política pública, promoverá na próxima quarta-feira (31) um Fórum Temático Regional sobre Autismo, na cidade de Santo Antônio das Missões. O evento é direcionado a profissionais, mas acolhe a participação de familiares, pessoas com deficiência e interessados no assunto. O evento é gratuito e ocorre no Salão de Eventos da APAE, Rua Manuel Flores, 6313, no centro de Santo Antônio das Missões.


A temática Autismo tem merecido grande interesse nas comunidades, onde os profissionais da educação e da saúde recebem constantes questionamentos e buscam informações. Para conscientizar e levar conhecimento sobre o assunto, o caminho é a orientação na identificação dos sinais de alerta para o Transtorno do Espectro do Autismo. A intervenção precoce auxilia na abertura de diálogo com os profissionais da área. 

As inscrições estão abertas e podem ser feitas no site da Faders Acessibilidade e Inclusão. Para isso, basta acessar o link http://www.portaldeacessibilidade.rs.gov.br/index.php?id=envia_formulario_inscricao&cod=3371. 

Confira o serviço completo do Fórum Temático "Conversando sobre Autismo: Unindo forças pela inclusão!":

Data: 31/05/2017
Horário: 08h30 às 12 horas
Local: APAE de Santo Antônio das Missões
Endereço: Rua Manoel Flores,6313 -Santo Antônio das Missões/RS 

Fonte: ASCOM/Faders Acessibilidade e Inclusão

PRIMEIRA VACINA

PRIMEIRA VACINA

FOTOS

FOTOS
NEUROMUSCULAR EM SÃO PAULO

Postagens populares

HIDROTERAPIA

HIDROTERAPIA