RELÓGIO

PARTICIPE SENDO UM SEGUIDOR DO BLOG

www.stepaway-polio.com

Google+

MAPA MUNDI

free counters

quarta-feira, 22 de julho de 2015

CONVITE LEI DE COTAS - CONQUISTAS COM A LEI BRASILEIRA DE INCLUSÃO

VENHA COMEMORAR CONOSCO: 24º ANIVERSÁRIO DA LEI DE COTAS - AVANÇOS E CONQUISTAS COM A LEI BRASILEIRA DE INCLUSÃO


A Lei de Cotas – Lei federal nº 8213/91 -, que reserva postos de trabalho às pessoas com deficiência em empresas com mais de 100 colaboradores, comemora seu24º aniversário na próxima sexta, 24 de julho. A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo (SEDPcD-SP) convida para celebrarmos a existência desta importante lei, que possibilita aos trabalhadores com deficiência o acesso a bens, produtos e serviços, alçando-os ao patamar de cidadãos produtivos e consumidores.  
Venha comemorar conosco na sexta-feira, 24 de julho, das 10h às 12h. Recepção a partir das 9h30, na sede da SEDPcD-SP:
Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 564, portão 10 do Memorial da América Latina, ao lado do metrô Barra Funda.
 


Na ocasião, vamos também prestar homenagem a uma das mais importantes ativistas em defesa da empregabilidade das pessoas com deficiência: CARMEN LEITE RIBEIRO BUENO, que faleceu recentemente. Vamos contar com apresentação da "Turma do Bairro", teatro de bonecos criado pela Carmen, que mostra de forma lúdica histórias do cotidiano de pessoas com deficiência. Também participam representantes de entidades e autoridades da área de defesa dos direitos e da inclusão.
Venha celebrar conosco!
TODOS ESTÃO CONVIDADOS!! ENTRADA FRANCA
CONFIRME PRESENÇA PELO E-MAIL 
comunic@sedpcd.sp.gov.br ou Fone: (11) 5212.3701

À Disposição.
Grata.
Isabel
Maria Isabel da Silva
Gestora da Assessoria de Comunicação Institucional
Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência
Governo do Estado de São Paulo
Facebook e Twitter: InclusãoSP

www.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br 

DOAÇÃO DE SANGUE

DOAÇÃO DE SANGUE


A doação de sangue é um ato voluntário e seguro. Quem doa uma vez, não é obrigado a doar sempre. Porém, é muito importante que pessoas saudáveis doem regularmente.
O sangue, após liberado, segue para pessoas que precisam de transfusões constantes, pessoas submetidas a cirurgias e pessoas acidentadas ou queimadas.
A doação de sangue demora apenas cerca de dez minutos e pode salvar vidas!

Para doar sangue, é importante saber que:
  • Há critérios que permitem ou que impedem uma doação de sangue. Esses critérios são determinados por normas técnicas do Ministério da Saúde e visam à proteção ao doador e à segurança de quem vai receber o sangue;
  • Em cada doação, uma pequena amostra de sangue é coletada e segue para exames obrigatórios, enquanto a bolsa fica guardada esperando esses resultados;
  • A coleta de sangue é feita em ambiente confortável e limpo;
  • O material de coleta é descartável;
  • Não se contrai nenhuma doença;
  • Há o acompanhamento médico.
CURIOSIDADES
Doar sangue...
  • Não vicia
  • Não engorda
  • Não emagrece
  • Não afina o sangue
  • Não engrossa o sangue

Para doar sangue, é preciso atender às seguintes condições:
  • Ter entre 16 (dos 16 até 18 anos incompletos, apenas com consentimento formal dos responsáveis) e 69 anos, 11 meses e 29 dias;
  • Apresentar documento oficial de identidade com foto (identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista, carteira do conselho profissional ou carteira nacional de habilitação);
  • Pesar acima de 50 quilos (descontar vestuário);
  • Não estar em uso de medicamentos, nos dias anteriores à doação;
  • Estar bem de saúde;
  • Ter dormido pelo menos 6 horas na noite anterior à doação;
  • Não realizar atividades físicas antes ou depois da doação;
  • Não ingerir bebidas alcoólicas nas últimas 24 horas;
  • Não estar em jejum, mas evitar alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação;
  • Estar com pressão arterial normal, de acordo com os parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Saúde, portanto, o doador não pode ser hipertenso.

Impedimentos à doação de sangue
Entre os impedimentos à doação de sangue, podem ser citados:
  • Apresentar febre, gripe ou resfriado;
  • Durante a gravidez;
  • Pós-parto: parto normal (90 dias); cesariana (180 dias);
  • Em uso de alguns medicamentos;
  • Ter adotado comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis;
  • Ter doenças transmissíveis pelo sangue, tais como: hepatites B e C, Aids (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas;
  • Ter feito tatuagem: 1 ano;
  • Ter realizado transfusão de sangue: 1 ano;
  • Vacinas: o tempo de impedimento após cada vacinação varia de acordo com o tipo de vacina.

Intervalos para doação
- Homens: 60 dias (até 4 doações por ano).
- Mulheres: 90 dias (até 3 doações por ano).

Após a doação de sangue, o doador deve tomar alguns cuidados:
  • Beber mais líquidos do que o normal durante as próximas horas. Não ingerir bebidas que contenham álcool por no mínimo 12 horas;
  • Fazer uma refeição reforçada;
  • Não fumar por 2 horas;
  • Se houver algum sangramento no local onde o sangue foi retirado, deve levantar o braço e aplicar pressão no local do sangramento;
  • Caso o doador sinta tontura ou vontade de desmaiar, deve sentar-se com a cabeça entre os joelhos ou deitar-se com a cabeça mais baixo que o resto do corpo;
  • O doador pode retomar suas ocupações normais após meia hora, se estiver sentindo-se bem, mas evitar atividades físicas exageradas e trabalho que exija muita atenção.

Procure um hemocentro, sua doação de sangue pode salvar vidas!


segunda-feira, 20 de julho de 2015

Acessibilidade e Inclusão Social da Pessoa com Deficiência (CAISPEDE)


Bento Gonçalves sediará debate regional sobre acessibilidade e inclusão


Descrição da imagem: Representantes da Faders e do município de Bento Gonçalves em reunião na sala do Caispede, sentados ao redor de uma mesa de vidro e ao centro café. Crédito da foto: Aline Puthin/Faders Acessibilidade e Inclusão14/07/2015
Uma reunião realizada na última sexta-feira, 10, na sede da Coordenadoria de Acessibilidade e Inclusão Social da Pessoa com Deficiência (CAISPEDE), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Habitação e Assistência Social (SEMHAS) tratou da organização do 133º Fórum Permanente da Política Pública Estadual para Pessoas com Deficiência e Altas Habilidades, na região da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (AMESNE). O encontro contou com a participação de representantes Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no RS (FADERS).



O evento vai ser realizado em Bento Gonçalves, dia 5 de agosto, no Auditório do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - Centro Tecnológico do Mobiliário (SENAI/CETEMO) e vai reunir participantes dos 30 municípios da região.

O fórum é promovido pela Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul (FADERS) com o apoio da Prefeitura por meio da SEMHAS, do COEPEDE, do SENAI/CETEMO e do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Bento Gonçalves. A finalidade é debater políticas públicas para atender pessoas com deficiência e com altas habilidades, promovendo os direitos humanos, através da ampliação e acesso às redes de Saúde, Educação, Assistência Social, Trabalho, Transporte, Habitação, Esporte, Lazer, Cultura, Turismo e demais políticas setoriais, deste modo, o Fórum Permanente da Política Pública Estadual para Pessoas com Deficiência e Pessoas com Altas Habilidades é ferramenta imprescindível para a efetivação deste objetivo.

O fórum vai reunir os gestores das políticas públicas, prefeitos e secretários, as Entidades Representativas das Pessoas com Deficiência e Pessoas com Altas Habilidades da região e a comunidade para dialogar, problematizar e propor alternativas a fim de implementar as Políticas Públicas para o município/região.

Confira a programação:
8h às 8h30 - Credenciamento e Café
8h30 às 9h30 - Abertura Oficial
9h30 às 12h - Mapeamento da Realidade Regional da Política Pública para Pessoas com Deficiência
12h às 13h30 - Intervalo
13h30 às 15h30 - Diálogos com a Comunidade: Informação, Acesso e Inclusão
15h30 às 16h - Conselho dos Direitos da PcD e Comitê Gestor
16h às 16h30 - Debate
16h30 - Encerramento

As inscrição são online e  já estão abertas no Portal de Acessibilidade do RS.Inscreva-se aqui!

Fonte: ASCOM/Faders Acessibilidade e Inclusão




Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul FADERS
Rua Duque de Caxias, 418 - Bairro Centro - Porto Alegre/RS - CEP: 90.010-280
Telefone/Fax: (51) 3287-6500 - faders@faders.rs.gov.br
Horário de atendimento: De segunda à sexta-feira das 8h ás 12h e das 13h30 ás 17h30
Todos os direitos reservados.

FADERS Acessibilidade e Inclusão

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos

São Sepé sediou Fórum da Política Pública Estadual para Pessoas com Deficiência


Descrição da imagem:Auditório do Centro Cultural lotado com público sentado e ao fundo o palco com autoridades sentadas à direira e o presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, Roque Bakof, de pé falando ao público. No lado esquerdo do palco estão sentados representantes do municípios da região, e mais a frente o pupito e bandeiras do município, Estado e País. Crédito da foto: Aline Puthin/Faders Acessibilidade e Inclusão15/07/2015
Com a participação de representantes dos municípios do Centro do Estado, ocorreu no dia 14 de julho, a 132º edição do Fórum Permanente da Política Estadual para Pessoas com Deficiência e Pessoas com Altas Habilidades, promovido pela FADERS Acessibilidade e Inclusão, em parceria com a Prefeitura Municipal de São Sepé, através da Secretaria Municipal de Assistência e Habitação Social, com apoio do Conselho Estadual dos Direitos das Pessoas com Deficiência (COEPEDE), a Associação dos Municípios do Centro do Estado (AMCENTRO) e do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Sepé.

Na abertura do evento, que ocorreu no Centro Cultural Afif Jorge Simões Filho, o presidente da Faders, Roque Bakof, presidiu a mesa de autoridades e o mapeamento da realidade regional da política pública para pessoas com deficiência, e na oportunidade destacou que o objetivo do fórum é debater, propor e analisar o atual cenário da inclusão social de pessoas com deficiência no município e região. "Como as políticas públicas voltadas para a acessibilidade e inclusão são instrumentos fundamentais e intervenções necessárias dos entes de Estado para que elas se façam efetivas na vida das pessoas, torna-se fundamental mapear estas políticas públicas e identificar em que grau elas estão sendo aplicadas pelos municípios”, observou Bakof.

Já o prefeito de São Sepé, Leocarlos Giradello, agradeceu a Faders pela oportunidade do município sediar o evento e salientou a importância de atividades para dialogar sobre as políticas públicas para as pessoas com deficiência."É importante fortalecer o diálogo e entender as políticas públicas que estão sendo feitas para garantir os direitos da pessoa com deficiência, além de discutir o que precisa ser melhorado a nível municipal e estadual", destacou o prefeito.

Ainda, durante o Fórum que tratou sobre as políticas públicas voltadas para as pessoas com deficiência e altas habilidades, além dos prefeitos da região, também participaram representantes do Conselho Estadual e Municipais das Pessoas com Deficiência, representantes das Secretarias Estaduais da Justiça e Direitos Humanos, Saúde e Educação, entidades do setor e comunidade em geral. O evento também contou com a belíssima apresentação do Grupo de Dança da Apae de São Sepé.



Fonte: ASCOM/Faders Acessibilidade e Inclusão




Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul FADERS
Rua Duque de Caxias, 418 - Bairro Centro - Porto Alegre/RS - CEP: 90.010-280
Telefone/Fax: (51) 3287-6500 - faders@faders.rs.gov.br
Horário de atendimento: De segunda à sexta-feira das 8h ás 12h e das 13h30 ás 17h30
Todos os direitos reservados.

Acessibilidade e Inclusão

Logotipo da FADERSBrasão da Secretaria da Justiça e dos Direitos Humanos

Faders aborda direitos das pessoas com deficiência em Encruzilhada do Sul


Descrição da imagem: Autoridades municipais e estaduais de pé em frente a mesa de autoridades, e ao fundo o banner do evento e as bandeiras do município, Estado e Brasil. Crédito da foto: Aline Puthin/Faders Acessibilidade e Inclusão16/07/2015
Em audiência pública realizada nesta quarta-feira (15), no município de Encruzilhada do Sul, o presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, Roque Bakof, destacou os benefícios e direitos da pessoa com deficiência.A atividade, proposta pela vice-presidente da Câmara de Vereadores de Encruzilhada do Sul, vereadora Isabel Freitas, com o apoio da Faders, contou com a participação de representantes do Executivo, Legislativo, entidades, associações e pessoas com deficiência que dialogaram sobre a legislação vigente e benefícios como o passe livre e o BPC (Benefício de Prestação Continuada).


O presidente da Faders, Roque Bakof, parabenizou a vereadora pela iniciativa e destacou a importância da mobilização e presença de todos na audiência. “Temos conhecimento da legislação , bem como dos benefícios e direitos, mas devemos nos inserir na sociedade e mostrar o protagonismo das pessoas com deficiência em todas as áreas”, disse Bakof.

Já a vereadora proponente, Isabel Freitas, presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência, salientou a importância da mobilização de todos encruzilhadenses e os motivou a criação do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Encruzilhada do Sul.

Também, esteve presente na audiência pública o deputado estadual Sérgio Peres, autor do autor do projeto de lei nº 56/2015, o qual estabelece que todos os prédios públicos do Rio Grande do Sul deverão oferecer pelo menos um banheiro masculino e um banheiro feminino, adaptados ou construídos, para o uso de pessoas com deficiência. A prefeita de Encruzilhada do Sul, Laíse Krusser, e o ex-deputado estadual, Marquinho Lang, também estiveram prestigiando a atividade.




Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul FADERS
Rua Duque de Caxias, 418 - Bairro Centro - Porto Alegre/RS - CEP: 90.010-280
Telefone/Fax: (51) 3287-6500 - faders@faders.rs.gov.br
Horário de atendimento: De segunda à sexta-feira das 8h ás 12h e das 13h30 ás 17h30
Todos os direitos reservados.

Metabolismo após emagrecimento facilita ganho de peso perdido | Minha Vida

Metabolismo após emagrecimento facilita ganho de peso perdido | Minha Vida

Você reconhece os sintomas de depressão? | Minha Vida

Você reconhece os sintomas de depressão? | Minha Vida

Uso excessivo de analgésicos pode trazer riscos à saúde do coração | Minha Vida

Uso excessivo de analgésicos pode trazer riscos à saúde do coração | Minha Vida

Como diferenciar um ataque de ansiedade de doenças cardiovasculares | Minha Vida

Como diferenciar um ataque de ansiedade de doenças cardiovasculares | Minha Vida

domingo, 19 de julho de 2015

Saiba os motivos para não emagrecer mesmo fazendo dieta | Minha Vida

Saiba os motivos para não emagrecer mesmo fazendo dieta | Minha Vida

Garganta ressecada: beber água e evitar sódio aliviam o sintoma | Minha Vida

Garganta ressecada: beber água e evitar sódio aliviam o sintoma | Minha Vida

Batata-doce ajuda a emagrecer e é fonte de energia | Minha Vida

Batata-doce ajuda a emagrecer e é fonte de energia | Minha Vida

LEI DE COTAS

VENHA COMEMORAR CONOSCO O ANIVERSÁRIO DA LEI DE COTAS
A Lei de Cotas – Lei federal nº 8213/91 -, que reserva postos de trabalho às pessoas com deficiência em empresas com mais de 100 colaboradores,
comemora seu 24º aniversário no próximo dia 24 de julho. A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo (SEDPcD-SP)
convida para celebrarmos a existência desta importante lei, que possibilita aos trabalhadores com deficiência o acesso a bens, produtos e serviços,
alçando-os ao patamar de cidadãos produtivos e consumidores.  
Será na sexta-feira, dia 24 de julho, das 10h às 12h. Recepção a partir das 9h30, na sede da SEDPcD-SP:
Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 564, portão 10 do Memorial da América Latina, ao lado do metrô Barra Funda.
Na ocasião, vamos também prestar homenagem a uma das mais importantes ativistas em defesa da empregabilidade das pessoas com deficiência:CARMEN LEITE RIBEIRO BUENO, que faleceu recentemente. Vamos contar com apresentação da "Turma do Bairro", teatro de bonecos criado pela Carmen, que mostra de forma lúdica histórias do cotidiano de pessoas com deficiência. Também participam representantes de entidades e autoridades da área de defesa dos direitos e da inclusão.
Venha celebrar conosco!
TODOS ENTÃO CONVIDADOS!! ENTRADA FRANCA

CONFIRME PRESENÇA PELO E-MAIL 
comunic@sedpcd.sp.gov.br ou Fone: (11) 5212.3701


Maria Isabel da Silva
Gestora da Assessoria de Comunicação Institucional
Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência
Governo do Estado de São Paulo
Facebook e Twitter: InclusãoSP

www.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Dor no nervo ciático

Dor no nervo ciático: O que é? Causas, sintomas e como tratar

0 comentários
dor-nervo-ciático
Você já sentiu essa dor? A dor no nervo ciático (também chamada, simplesmente, de Ciática) é, na verdade, o próprio sintoma de outros problemas.

Qual a função do nervo ciático?

Essa estrutura está localizada desde a face posterior do quadril, descendo por trás da coxa e dos joelhos, até alcançar o dedo maior do pé. Estendendo-se, portanto, desde a coluna lombar até os pés. O nervo ciático que é considerado o maior do corpo humano é o grande responsável pelo movimento dos músculos da perna, além de viabilizar as sensações.

O que causa a dor no nervo ciático?

Qualquer tipo de dano ao nervo ciático (lesão, pressão, inflamação) pode resultar em dor ciática. O problema tende a ocorrer dentro do canal espinhal ou mesmo em qualquer ponto do percurso que o nervo faz. O anel que circunda o disco intervertebral pode acabar rompendo em virtude da pressão gerada sobre ele, o núcleo escapa para o interior do canal e comprime o nervo, caracterizando a dor. E o que pode causar essa pressão? Algumas das principais causas são: tumores, deslizamento de vértebras, estenose da coluna lombar, traumas, hérnia de disco, anomalias congênitas, síndrome do músculo piriforme, osteoartrite, dentre outras.

Além da dor, existem outros sintomas que acompanham a Ciática?

Os sintomas vão depender de cada caso, mas, normalmente, a dor ciática ocorre com maior frequência de um só lado do corpo (nesse caso, o lado afetado pode parecer mais fraco que o outro). Outros sintomas incluem: dormência, perda de sensibilidade, fraqueza muscular, diminuição dos reflexos da região afetada, formigamento ou sensação de queimação, dores irradiadas da coluna lombar para a região posterior da coxa ou da perna. Todos os sintomas podem aumentar com o envelhecimento, uma vez que as estruturas da coluna já aparecem bem mais desgastadas com a medula espinhal e as raízes que dão origem aos nervos comprometidas.

Como tratar a dor ciática?

O primeiro passo é identificar e corrigir a causa que provocou a compressão do nervo. O programa fisioterapêutico desenvolvido pelo ITC Vertebral já alcançou sucesso no tratamento de muitos pacientes acometidos por doenças na coluna vertebral, inclusive, a dor ciática. O método utilizado é denominado RMA (Reconstrução Músculo-Articular) da Coluna Vertebral, sem intervenção cirúrgica e utiliza técnicas de Fisioterapia Manual, Mesa de Tração Eletrônica, Mesa de Descompressão Dinâmica, Estabilização Vertebral e Exercícios de Pilates ou Musculação.

Previna-se da dor ciática!

– Evite saltos muito altos;
– Não realize movimentos bruscos com a coluna vertebral;
– Procure sempre manter a boa postura;
– Ao erguer um peso do chão, flexione os joelhos;
– Seja praticante de exercícios físicos que ajudam a fortalecer a musculatura do corpo inteiro.
http://fisioterapiamanual.com.br/blog/artigos/dor-no-nervo-ciatico-causas-sintomas-como-tratar/


terça-feira, 14 de julho de 2015

Osteoporose tem cura? | Minha Vida

Osteoporose tem cura? | Minha Vida

Dieta rica em açúcar é associada à depressão | Minha Vida

Dieta rica em açúcar é associada à depressão | Minha Vida

Obesidade e dietas restritivas prejudicam a imunidade | Minha Vida

Obesidade e dietas restritivas prejudicam a imunidade | Minha Vida

Pessoas com sobrepeso e obesidade precisam ter cuidados na musculação | Minha Vida

Pessoas com sobrepeso e obesidade precisam ter cuidados na musculação | Minha Vida

Como saber se ganho de peso após a musculação é gordura ou músculo | Minha Vida

Como saber se ganho de peso após a musculação é gordura ou músculo | Minha Vida

quarta-feira, 8 de julho de 2015

QUANDO NÃO SE TEM UM PRESIDENTE E SIM UMA DOIDA É ISSO QUE ACONTECE.
PRESIDENTE DILMA VOCE VETA UM PROJETO PARA TODOS OS DEFICIENTES FÍSICOS, VETA É TEU SALÁRIO E DE SEUS MINISTROS TAMBÉM.

Pessoal, isso é uma vergonha. Acabaram com o Estatuto dos Deficientes, com o trabalho do senador Paim. Temos que denunciar!
Fere o princípio da igualdade social, rompe com a Convenção da ONU.
Denunciem!

Vetos da Dilma
Confiram o meu discurso de hoje no Plenário da Câmara dos Deputados sobre os vetos que a presidente Dilma publicou ontem depois de ter sancionado a Lei Brasileira de Inclusão.
É inadmissível que a presidente tenha retirado importantes dispositivos da Lei depois de líderes de seu partido terem assegurado a sanção do texto na íntegra.

Nove maneiras de prevenir as estrias sem precisar de tratamento | Minha Vida

Nove maneiras de prevenir as estrias sem precisar de tratamento | Minha Vida

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Boa Postura-

compartilhando
http://boapostura.com.br/

Sente dor na sola do pé ? Cuidado, pode ser
a temida Fascíte Plantar
Você toca o chão ao se levantar e sente aquela dorzinha na sola dos pés. A sensação de ter pisado em um alfinete ou e tomar um pequeno choque elétrico é o primeiro sinal da fascite plantar, inflamação ocasionada por microtraumatismos de repetição na espessa estrutura fibrosa que vai do osso do calcanhar até a base dos dedos, chamada fáscia plantar. A dor, evidente pela manhã, pode aparecer também depois de um tempo sentado ou breves descansos. A fascíte plantar ocorre quando a pele grossa que liga o calcanhar ao dedão do pé fica irritada, inflamada ou dolorosa. A patologia tem como uma das causas microtraumas repetidos na fáscia na tuberosidade plantar medial do calcâneo. Assim, a cada passo dado pelo paciente, a fáscia é tensionada gerando micro rupturas, inflamação e dor.
Alguns fatores que causam a fascite plantar:
- Alterações no arco do pé (pé plano e pé cavo são muito mais vulnerável à lesão)
- Tipo de pé e pisada;
- Desequilíbrios musculares e articular do pé;
- Excesso de peso;
- Calçados inadequados e desconfortáveis;
- Corridas de longa distância;
- Sobrecarga, erro de treinamento para corridas e esportes
- Longas caminhadas sem preparação;
- Trabalhar muito período de tempo em pé;
Gostou desta informação ? Curta e compartilhe com seus amigos.
www.facebook.com/BoaPostura

Conheça oito ameaças inusitadas à saúde do coração | Minha Vida

Conheça oito ameaças inusitadas à saúde do coração | Minha Vida

Receita de gelado de abacaxi com farinha de maracujá | Vídeo | Minha Vida

Receita de gelado de abacaxi com farinha de maracujá | Vídeo | Minha Vida

Sete dicas para baixar o nível de triglicérides do sangue | Minha Vida

Sete dicas para baixar o nível de triglicérides do sangue | Minha Vida

PRIMEIRA VACINA

PRIMEIRA VACINA

FOTOS

FOTOS
NEUROMUSCULAR EM SÃO PAULO

Postagens populares

HIDROTERAPIA

HIDROTERAPIA