RELÓGIO

PARTICIPE SENDO UM SEGUIDOR DO BLOG

www.stepaway-polio.com

Google+

MAPA MUNDI

free counters

sexta-feira, 30 de março de 2012

Este dispositivo incrível acaba de deixar obsoletas as cadeiras de rodas

O rapaz no vídeo acima parece estar andando em um Segway. Mas Yusuf Adturkoglu sofreu paralisia depois de cair de um cavalo há cinco anos, e ele agora se move usando um dispositivo incrível criado por cientistas turcos. Ele pode transformar vidas.
Ele se chama Dispositivo de Mobilização Robótica Tek (Tek RMD na sigla em inglês), e não só permite às pessoas que não podem andar um movimento mais independente do que qualquer outro dispositivo, como também os ajuda a ficar em pé sem ajuda dos outros, algo crucial para manter funções básicas de saúde em pessoas com problemas na medula.

Ficar em pé é essencial

Em vez de entrar pela frente como em uma cadeira de rodas normal, quem usa o Tek RMD entra pela parte de trás do dispositivo. Assim eles não precisam se sustentar sozinhos na cadeira, com um movimento que pode ser perigoso – a cadeira pode se mover – e que é difícil de fazer sozinho. Ao prender uma faixa grossa e acolchoada no quadril, Yusuf consegue entrar sozinho e sem esforço no Tek RMD. O dispositivo usa um sistema de suspensão que equilibra seu peso, então você pode ficar em pé apenas se puxando para cima.
Ficar em pé por uma hora ou mais todo dia é importante para quem perdeu o movimento das pernas: sem o efeito de sustentar o peso com as pernas, quem sofre de paralisia pode desenvolver problemas cardiovasculares, ossos frágeis, escaras – sem mencionar a importância psicológica de contato olho-no-olho com outras pessoas.

Independência

No vídeo, Yusuf chama o dispositivo até sua cama usando um controle remoto, sai da cama, vai fazer compras, se guia em uma livraria, e até usa o banheiro de formas que felizmente nem precisamos ver. Mas estas habilidades que muitos de nós tomamos como dadas são essenciais para o bem-estar emocional de quem tem paralisia. Conseguir se agachar e voltar a ficar em pé é algo chave. E enquanto fica em pé, as mãos de Yusef ficaram livres para carregar as compras e fazer o que mais ele precisar.

Dimensões menores

Os fabricantes do Tek RMD diz que este é o dispositivo mais compacto da categoria, o que permite a Yusuf navegar por corredores lotados de mercados, livrarias, e quem sabe até o festival de música Coachella, talvez? Tudo sem esbarrar nas pessoas e coisas ao redor. Os usuários ainda precisam de rampas em vez de escadas, mas o dispositivo elimina a necessidade de cabines de banheiro especiais e outros locais feitos para comportar uma volumosa cadeira de rodas.
O Tek RMD tem cinco tamanhos e ainda está em testes clínicos. Espero que chegue ao mercado em breve. [Tek RMD e Reuters]

quinta-feira, 29 de março de 2012

Portal de Acessibilidade - Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para PPDs e PPAHs no RS (FADERS)Governo do Estado do Rio Grande do Sul - Secretaria da Justiça e do Desenvolvimento Social


Viva as diferenças!, de Mauricio de Sousa, está disponível para livre download

27/03/2012
Há alguns anos o desenhista Mauricio de Sousa dedicou um trabalho especial sobre uma personagem que nasceu com a síndrome de Down e que aparece numa história completa com toda a Turma da Mônica, ambientada em uma escola comum. Agora a história está disponível para download de todos os interessados no portal da turminha.

Clique na imagem abaixo, capa da revista, para fazer seu download.




Fonte: Revista Eletrônica Inclusive



Odair supera deficiência e ganha a vida em cima da bicicleta

28/03/2012
José Odair da Costa, morador de Cerquilho, trocou revolta pela diversão e foi destaque em vídeo promocional da Paraolimpíada de 2016

Por Gláucia Souza - Itapetininga, SP

Odair se exibe com a bicicleta, seu principal trabalho hoje. Foto: Carlos Alberto Soares/TV TEM.
Odair se exibe com a bicicleta, seu principal trabalho hoje. Foto: Carlos Alberto Soares/TV TEM.

Não é fácil ganhar a vida em cima de uma bicicleta no Brasil, um país em que o ciclismo está longe de figurar entre os esportes mais populares. E o que dizer então se o ciclista em questão nasceu com uma má formação congênita e precisa usar prótese numa das pernas?
Pois José Odair da Costa subverteu essa "ordem natural" e, sim, mesmo precisando de uma prótese na perna direita, ele não só anda de biclieta com desenvoltura como realiza manobras radicais e, sim, pode dizer que ganha a vida em cima da bicicleta.

Seu principal ganha-pão, hoje, são os shows, que Odair anuncia em seu blog. A habilidade em cima da "magrela" lhe rendeu um convite especial: participar vídeo que lançou a logomarca dos Jogos Paraolímpicos de 2016, que serão realizados no Brasil.

O vídeo, que você pode ver abaixo, foi gravado em outubro do ano passado, e lançado durante cerimônia de inauguração da árvore de natal da Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro.

Vídeo do Lançamento da Marca Paralímpica Rio 2016. Para deficientes visuais, clique aqui no link acessível.

">.

Ele conta que o convite veio depois que uma produtora viu seu blog e entrou em contato. Ele aceitou o convite e viajou até o Rio de Janeiro para as gravações, mas engana-se quem pensa que a tarefa foi pura diversão. Odair teve de treinar bastante, já que a bicicleta usada nas filmagens era diferente da que está acostumado a usar. As gravações demoraram um dia, e Odair conta com orgulho de sua participação.

- Eu nunca tinha pedalado em uma pista de ciclismo e em velocidade. Fiquei muito feliz. Quero ser chamado cada vez mais para participar de ações assim para incentivar outros deficientes. Precisamos mostrar cada vez mais que todos somos capazes de realizar o que quisermos. Eu já passei e sei que muitos outros ainda passam pelo sentimento de incapacidade. Temos mostrar que nada é impossível devido à deficiência - explica o ciclista.

Aprendizado difícil
Caçula de 11 filhos, Odair foi o único dos irmãos que nasceu com deficiência, e disse que demorou para aprender a lidar com as diferenças. Ele tem uma má formação congênita que desde a infância o obrigou a usar próteses.

- Eu não aceitava ser o único da minha casa a ser deficiente. Tive sérios problemas emocionais durante a infância e adolescência por conta disso. Eu queria poder usar bermuda, mas tinha vergonha das próteses. Também queria andar de bicicleta como todas as crianças, mas não conseguia - relembra.

Manobras de efeito são a especialidade de Odair sobre a bike (Foto: Carlos Alberto Soares/TV TEM).
Manobras de efeito são a especialidade de Odair sobre a bike (Foto: Carlos Alberto Soares/TV TEM).

Foi com o apoio da família que Odair conseguiu superar os obstáculos físicos e emocionais. Aos poucos, percebeu que conseguia fazer as atividades rotineiras de garotos, inclusive andar de bicicleta. Foi aí que ele ganhou a primeira bicicleta e começou a treinar manobras.

Hoje, ele utiliza uma prótese que é resistente e também permite os movimentos.

- Querei muitas próteses. Mas tudo o que eu tenho hoje, consegui a partir do momento que eu deixei de ter preconceito comigo mesmo. E ao fazer esporte, minha vida agora é outra. O esporte mudou a minha vida - conclui.


Fonte: globoesporte.com 

image



Tuberculose



O que é?
Doença infecto-contagiosa causada por uma bactéria que afeta principalmente os pulmões, mas, também pode ocorrer em outros órgãos do corpo, como ossos, rins e meninges (membranas que envolvem o cérebro). 

Qual a causa?
Mycobacterium tuberculosis ou Bacilo de Koch (BK). Outras espécies de micobactérias também podem causar a tuberculose. São elas: Mycobacterium bovis, africanum e microti.

Quais os sintomas?

Alguns pacientes não exibem nenhum indício da doença, outros apresentam sintomas aparentemente simples que são ignorados durante alguns anos (meses). Contudo, na maioria dos infectados, os sinais e sintomas mais freqüentemente descritos são tosse seca contínua no início, depois com presença de secreção por mais de quatro semanas, transformando-se, na maioria das vezes, em uma tosse com pus ou sangue; cansaço excessivo; febre baixa geralmente à tarde; sudorese noturna; falta de apetite; palidez; emagrecimento acentuado; rouquidão; fraqueza; e prostração. Os casos graves apresentam dificuldade na respiração; eliminação de grande quantidade de sangue, colapso do pulmão e acumulo de pus na pleura (membrana que reveste o pulmão) - se houver comprometimento dessa membrana, pode ocorrer dor torácica.

Como se transmite?

A transmissão é direta, de pessoa a pessoa. O doente expele, ao falar, espirrar ou tossir, pequenas gotas de saliva que contêm o agente infeccioso e podem ser aspiradas por outro indivíduo contaminando-o. Somente 5% a 10% dos infectados pelo Bacilo de Koch adquirem a doença. Pessoas com Aids, diabetes, insuficiência renal crônica (IRA), desnutridas, idosos doentes, alcoólatras, viciados em drogas e fumantes são mais propensos a contrair a tuberculose.

Como tratar?

O tratamento deve ser feito por um período mínimo de seis meses, sem interrupção, diariamente. São utilizados quatro fármacos para o tratamento dos casos que utilizam o esquema básico: rifampicina (R), isoniazida (H), pirazinamida (Z) e etambutol (E). Quase todos os pacientes que seguem o tratamento corretamente são curados.

Como se prevenir?

Para prevenir a doença é necessário imunizar as crianças de até 4 anos, obrigatoriamente as menores de 1 ano, com a vacina BCG. Crianças soropositivas ou recém-nascidas que apresentam sinais ou sintomas de Aids não devem receber a vacina. A prevenção inclui evitar aglomerações, especialmente em ambientes fechados, mal ventilados e sem iluminação solar. A tuberculose não se transmite por fômites e pelo uso de objetos compartilhados. Cuidado para não agravar os estigmas.
Ministério da Saúde
Esplanada dos Ministérios Bloco G
Brasilia-DF / CEP: 70058-900
Acesse o serviço CartaSUS e avalie seu atendimento.
Acessos
Acesso Brasil sem miseria Destaques DoencasCronicas Guia de sinalização de serviços e unidades do SUS
 
Assinatura


SENADO FEDERAL
Secretaria-Geral da Mesa
Acompanhamento de Matérias

As seguintes matérias de seu interesse sofreram ações em: 28/03/2012


Ementa: Dispõe sobre a concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral de Previdência Social....
28/03/2012 SSCLSF - SUBSEC. COORDENAÇÃO LEGISLATIVA DO SENADO
Situação: INCLUIDA EM ORDEM DO DIA

Incluído em Ordem do Dia da sessão deliberativa ordinária de 29/3/2012, nos termos do Requerimento de urgência nº 214, de 2012. Discussão, em turno único.
TOTAL: 1



Projetos e Matérias Legislativas
PLC - PROJETO DE LEI DA CÂMARA, Nº 40 de 2010  - Complementar
 
Autor:DEPUTADO - Leonardo Mattos
Ver imagem das assinaturas
Ementa:Dispõe sobre a concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral de Previdência Social.
Explicação da ementa:
Concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral da Previdência Social, submetida a condições próprias de tempo de contribuição ou de idade, conforme o caso; critérios de cálculo para definição da renda mensal da aposentadoria devida ao segurado com deficiência; definição de pessoa com deficiência para os fins da lei.
Assunto:Social - Direitos humanos e minorias
Data de apresentação:30/04/2010
Situação atual:
Local: 
28/03/2012 - SUBSEC. COORDENAÇÃO LEGISLATIVA DO SENADO

Situação: 
28/03/2012 - INCLUIDA EM ORDEM DO DIA
Matérias relacionadas:RQS - REQUERIMENTO 73 de 2011
RQS - REQUERIMENTO 214 de 2012
Outros números:
Origem no Legislativo:
CD  PLP  00277 / 2005
Indexação da matéria:
Indexação: REGULAMENTAÇÃO, CONSTITUIÇÃO FEDERAL, CRITÉRIOS, CONCESSÃO, APOSENTADORIA ESPECIAL, SEGURADO, REGIME GERAL DA PREVIDÊNCIA SOCIAL, PESSOA PORTADORA DE DEFICIÊNCIA, REDUÇÃO, IDADE, TEMPO, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, SOLICITAÇÃO, ÓRGÃO PÚBLICO, (INSS), REALIZAÇÃO, PERÍCIA MÉDICA, EMISSÃO, CERTIDÃO, ATESTADO MÉDICO.
Observações: (REDUZ A IDADE E O TEMPO DE SERVIÇO DO SEGURADO DO REGIME DE PREVIDÊNCIA SOCIAL PORTADOR DE DEFICIÊNCIA, LEVANDO EM CONTA O GRAU DE DEFICIÊNCIA. REGULAMENTA A CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988).
 

 

Fonte:
Secretaria-Geral da Mesa 

sexta-feira, 23 de março de 2012

SENADO FEDERAL
Secretaria-Geral da Mesa
Acompanhamento de Matérias

As seguintes matérias de seu interesse sofreram ações em: 22/03/2012


Ementa: Dispõe sobre a concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral de Previdência Social....
22/03/2012 SSCLSF - SUBSEC. COORDENAÇÃO LEGISLATIVA DO SENADO
Situação: AGUARDANDO LEITURA PARECER (ES)

Aguardando leitura de parecer da CAE. Juntada, às fls. 107/110, legislação citada no parecer.
TOTAL: 1



Projetos e Matérias Legislativas
PLC - PROJETO DE LEI DA CÂMARA, Nº 40 de 2010  - Complementar
 
Autor:DEPUTADO - Leonardo Mattos
Ver imagem das assinaturas
Ementa:Dispõe sobre a concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral de Previdência Social.
Explicação da ementa:
Concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral da Previdência Social, submetida a condições próprias de tempo de contribuição ou de idade, conforme o caso; critérios de cálculo para definição da renda mensal da aposentadoria devida ao segurado com deficiência; definição de pessoa com deficiência para os fins da lei.
Assunto:Social - Direitos humanos e minorias
Data de apresentação:30/04/2010
Situação atual:
Local: 
23/03/2012 - SUBSECRETARIA DE ATA - PLENÁRIO

Situação: 
23/03/2012 - AGUARDANDO RECEBIMENTO DE EMENDAS PERANTE A MESA
Matérias relacionadas:RQS - REQUERIMENTO 73 de 2011
Outros números:
Origem no Legislativo:
CD  PLP  00277 / 2005
Indexação da matéria:
Indexação: REGULAMENTAÇÃO, CONSTITUIÇÃO FEDERAL, CRITÉRIOS, CONCESSÃO, APOSENTADORIA ESPECIAL, SEGURADO, REGIME GERAL DA PREVIDÊNCIA SOCIAL, PESSOA PORTADORA DE DEFICIÊNCIA, REDUÇÃO, IDADE, TEMPO, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, SOLICITAÇÃO, ÓRGÃO PÚBLICO, (INSS), REALIZAÇÃO, PERÍCIA MÉDICA, EMISSÃO, CERTIDÃO, ATESTADO MÉDICO.
Observações: (REDUZ A IDADE E O TEMPO DE SERVIÇO DO SEGURADO DO REGIME DE PREVIDÊNCIA SOCIAL PORTADOR DE DEFICIÊNCIA, LEVANDO EM CONTA O GRAU DE DEFICIÊNCIA. REGULAMENTA A CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988).

quarta-feira, 21 de março de 2012

SENADO FEDERAL
Secretaria-Geral da Mesa
Acompanhamento de Matérias

As seguintes matérias de seu interesse sofreram ações em: 20/03/2012


Ementa: Dispõe sobre a concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral de Previdência Social....
20/03/2012 CAE - Comissão de Assuntos Econômicos
Situação: APROVADO PARECER NA COMISSÃO

Reunida a Comissão nesta data, após a leitura do relatório, encerrada a discussão, colocado em votação, a Comissão aprova o relatório, que passa a constituir o Parecer da CAE, favorável ao Projeto nos termos da Emenda nº 1-CAE (Substitutivo). Anexado, às fls. 95-104, Parecer da Comissão. Anexado, às fls. 105-106, Requerimento de Urgência aprovado pela Comissão. À SCLSF.
20/03/2012 SSCLSF - SUBSEC. COORDENAÇÃO LEGISLATIVA DO SENADO
Recebido neste órgão, às 14h.
TOTAL: 1 




Projetos e Matérias Legislativas
PLC - PROJETO DE LEI DA CÂMARA, Nº 40 de 2010  - Complementar
 
Autor:DEPUTADO - Leonardo Mattos
Ver imagem das assinaturas
Ementa:Dispõe sobre a concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral de Previdência Social.
Explicação da ementa:
Concessão de aposentadoria especial à pessoa com deficiência filiada ao Regime Geral da Previdência Social, submetida a condições próprias de tempo de contribuição ou de idade, conforme o caso; critérios de cálculo para definição da renda mensal da aposentadoria devida ao segurado com deficiência; definição de pessoa com deficiência para os fins da lei.
Assunto:Social - Direitos humanos e minorias
Data de apresentação:30/04/2010
Situação atual:
Local: 
20/03/2012 - SUBSEC. COORDENAÇÃO LEGISLATIVA DO SENADO

Situação: 
20/03/2012 - APROVADO PARECER NA COMISSÃO
Matérias relacionadas:RQS - REQUERIMENTO 73 de 2011
Outros números:
Origem no Legislativo:
CD  PLP  00277 / 2005
Indexação da matéria:
Indexação: REGULAMENTAÇÃO, CONSTITUIÇÃO FEDERAL, CRITÉRIOS, CONCESSÃO, APOSENTADORIA ESPECIAL, SEGURADO, REGIME GERAL DA PREVIDÊNCIA SOCIAL, PESSOA PORTADORA DE DEFICIÊNCIA, REDUÇÃO, IDADE, TEMPO, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, SOLICITAÇÃO, ÓRGÃO PÚBLICO, (INSS), REALIZAÇÃO, PERÍCIA MÉDICA, EMISSÃO, CERTIDÃO, ATESTADO MÉDICO.
Observações: (REDUZ A IDADE E O TEMPO DE SERVIÇO DO SEGURADO DO REGIME DE PREVIDÊNCIA SOCIAL PORTADOR DE DEFICIÊNCIA, LEVANDO EM CONTA O GRAU DE DEFICIÊNCIA. REGULAMENTA A CONSTITUIÇÃO FEDERAL DE 1988).
 

 

Fonte:
Secretaria-Geral da Mesa 

terça-feira, 20 de março de 2012


 
Dia do Blogueiro
Parabéns pelo seu dia!
Temos muito o que agradecer.
Sua parceria faz toda a diferença na qualificação da saúde.




PRIMEIRA VACINA

PRIMEIRA VACINA

FOTOS

FOTOS
NEUROMUSCULAR EM SÃO PAULO

Postagens populares

HIDROTERAPIA

HIDROTERAPIA